Vídeo mostra filho matando a própria mãe com socos no rosto e enforcamento

Redação
9 2
Tempo de leitura:1 Minuto, 35 Segundo

Câmeras de segurança flagraram o momento em que Márcia Lanzane, de 44 anos, foi morta pelo próprio filho, Bruno Eustáquio Vieira, dentro da casa onde moravam, no Guarujá, litoral de São Paulo. O caso aconteceu em dezembro do ano passado, mas a Justiça decretou prisão preventiva de Bruno nessa terça-feira (1º/6).

As câmeras mostram Bruno e Márcia dentro da casa onde aconteceu o crime, em 21 de dezembro. Às 21h17, as imagens mostram que eles entram em luta corporal.

Os dois caem no chão, e Bruno se levanta rapidamente. Em seguida, usa as duas mãos para esganar a mãe. As imagens ainda mostram o filho verificando os batimentos da mãe e, logo depois, volta para a sala para assistir televisão.

No outro dia, Bruno deixa a casa. Em depoimento, ele contou que saiu para treinar. Ao retornar para a residência, ele vai até o quarto onde está o corpo da mãe e liga para familiares e a polícia, afirmando que a encontrou morta.

Em depoimento inicial, Bruno afirmou não ter nenhum envolvimento com o crime, mas, após surgir uma nova prova, confessou e alegou que teria sido uma morte acidental após empurrá-la durante uma briga. A mãe, então, teria morrido após bater a cabeça no momento da queda.

Após o depoimento, Bruno foi solto e o caso seguiu sob investigação.

Prisão preventiva

A juíza Denise Gomes Bezerra Mota decretou a prisão preventiva de Bruno Eustáquio, atendendo a pedido do Ministério Público, por homicídio qualificado.

A decisão leva em conta que há indícios da autoria e provas do crime, uma vez que o próprio Bruno admitiu ter empurrado a mãe, mas negou que a sufocou.

Na época do crime, a defesa de Bruno afirmou que ele estava abalado. Ele, inclusive, chegou a postar uma mensagem, em 22 de dezembro, no Facebook para se despedir da mãe.

Publicado por: David Richard

VEJA VÍDEO:

 

Happy
Happy
0
Sad
Sad
19
Excited
Excited
1
Sleepy
Sleepy
0
Angry
Angry
42
Surprise
Surprise
1
PRÓXIMA PUBLICAÇÃO

Jovem é morto com tiros na cabeça em plena luz do dia na Aparecida

Manaus | Após ser perseguido por criminosos, um jovem identificado como Diego Mendes de Souza, de 18 anos, foi morto a tiros na manhã desta quarta-feira (02). O crime aconteceu na rua Wilkens de Matos, bairro da Aparecida, Zona Sul de Manaus. Conforme informações de testemunhas repassadas à polícia, Diego […]