Soldado do Exército de 18 anos morre com tiro de fuzil durante serviço

Manaus – O soldado do 7º Batalhão de Polícia do Exército, Jhonata Corrêa Pantoja, 18, morreu na madrugada desta segunda-feira (3), no Hospital e Pronto-Socorro (HPS) 28 de Agosto, zona centro-sul de Manaus, logo após ter sido atingido com um tiro de arma de fogo. O Comando Militar da Amazônia (CMA) informou que o jovem fazia parte do ‘Efetivo Variável’ da corporação e estava de plantão no quartel no momento do crime.

De acordo com o CMA será instaurado um Inquérito Policial Militar (IPM) para identificar as causas e as condicionantes do crime. O 7º Batalhão de Polícia do Exército informou que está prestando todo o apoio necessário à família.

Jhonata era natural do município de Borba (a 151 quilômetros ao sul de Manaus). O corpo dele foi removido para o Instituto Médico Legal (IML), por volta das 14h.