Prefeito David Almeida pede apoio ao Exército para combater facções criminosas

Redação
8 0
Tempo de leitura:1 Minuto, 7 Segundo

Manaus | O prefeito de Manaus David Almeida cobrou, ontem, mais empenho do governador Wilson Lima para conter a onda de violência em Manaus e pediu uma operação de Garantia da Lei e da Ordem (GLO) para que as Forças Armadas possam atuar na segurança pública do Estado.

“O estado não pode recuar e tem que aplicar a mão firme. Está mais do que na hora do Exército entrar nas ruas. Não podemos deixar que os marginais tomem conta. Foram longe demais, um abuso extremo”, afirmou.

O prefeito esteve, na noite deste domingo, à Bola das Letras verificar a situação do local reinaugurado há quatro dias e que foi incendiado por bandidos. O prefeito ainda defendeu que a Guarda Municipal possa ser armada.

“Eu como prefeito não vou aceitar isso. Vamos armar nossa Guarda Municipal. Só não armamos ainda por conta de decretos que impedem a criação de novas estruturas. Eu vou encontrar o caminho necessário. Se eu estou com minha Guarda Municipal armada isso não teria acontecido”, disse o prefeito.

O prefeito contou que esteve na tarde deste domingo reunido com o Comandante Militar da Amazônia e com o governador quando alertou sobre os ataques. “Alertei o governador Wilson Lima. Se estão fazendo isso durante o dia, imagina o que pode acontecer à noite. Vai ser muito pior”.

Publicado por: David Richard

 

Happy
Happy
7
Sad
Sad
1
Excited
Excited
0
Sleepy
Sleepy
0
Angry
Angry
2
Surprise
Surprise
1
PRÓXIMA PUBLICAÇÃO

Governo autoriza uso da Força Nacional para combater facções criminosas no Amazonas

O Ministério da Justiça e Segurança Pública anunciou nesta segunda-feira (7) o envio de tropas da Força Nacional a Manaus (AM). O pedido foi feito pelo governador Wilson Lima (PSC) e a expectativa é de que o efetivo desembarque na capital nesta terça-feira (8). “Atendendo a solicitação do governador do Amazonas, Wilson […]