Número de apreensões de armas em Manaus cresce 15,1%, aponta SSP


Em Manaus, as apreensões de armas de fogo aumentaram 15,1% em maio deste ano, em comparação ao mesmo período do ano anterior. Conforme os dados da Secretaria de Segurança Pública (SSP-AM), em maio de 2018, a polícia apreendeu 185 armas. Em 2019, o número subiu para 213, segundo dados do Instituto de Criminalística, vinculado ao Departamento de Polícia Técnico-Científica (DPTC).

Durante os cinco primeiros meses deste ano a polícia já apreendeu, em Manaus, 955 armas de fogo ilegais durante operações policiais e abordagens. Segundo o órgão, o número corresponde a quase metade das 2,1 armas retiradas de criminosos durante todo o ano passado.

Segundo o comandante do Comando de Policiamento Especializado (CPE), coronel Bruno Azevedo, a orientação dada aos órgãos do sistema de Segurança é para reforço nos patrulhamentos e abordagens para repressão ao crime e apreensão de armas de fogo ilegais e drogas.

“As armas ilegais são utilizadas para cometimento dos mais diversos crimes, incluindo os considerados letais intencionais, como latrocínio e homicídio, que ceifam vidas inocentes, bem como são utilizadas como violência e ameaça nos roubos. Além disso, são utilizadas como instrumento de poder nas mãos de traficantes que controlam áreas conhecidas como bocas de fumo e rotas de tráfico. Cada arma ilegal apreendida nas mãos de criminosos representa vidas preservadas”, disse o coronel.

Veja o número de armas apreendidas de janeiro a maio deste ano em Manaus:

revólveres: 301

pistolas: 192

espingardas: 131.

Na comparação com o mesmo período do ano passado, houve um aumento de 9,5% na apreensão desses três tipos de armamento, com destaque para a apreensão de espingardas, que cresceu 33,7% no período.

Deixe seu comentário