Marcha para Jesus 2020 é cancelada por causa da pandemia do novo coronavírus

(Foto: Divulgação)

Manaus – Por conta da pandemia do novo coronavírus (Covid-19), a 27ª Marcha para Jesus foi suspensa. O evento religioso estava programado para acontecer no próximo sábado (6) e, segundo a Ordem dos Ministros Evangélicos do Amazonas (Omeam), a decisão foi tomada para garantir a segurança dos participantes. O evento reúne cerca de 500 mil pessoas a cada ano.

“Já chegamos a adiar a marcha em alguns meses, mas nunca deixou de ser realizada. Agora, este ano, como chegou essa pandemia, ficou muito difícil de realizar o evento”, explicou o presidente da Omeam, pastor Valter de Nazaré.

Para o vereador Wallace Oliveira (Pros), presidente da Frente Parlamentar em Defesa da Vida e dos Valores Cristãos (Fepacri-Manaus), a decisão da Omeam é correta, diante do cenário de pandemia que o mundo está vivendo.

“Infelizmente este será o ano em que muitos eventos serão suspensos e cancelados. A Marcha pra Jesus é mais um evento que vai entrar nesse processo, mas a gente olha para isso com muita tranquilidade. Dentro dos protocolos que se estabelecem hoje, é meio complexo estabelecer uma condição de distanciamento segura nesse processo de caminhada”, explicou o vereador.

O evento reúne fieis que costumam se concentrar na Praça da Saudade, no Centro, para percorrer a Avenida Constantino Nery, chegando até o Sambódromo, no bairro Flores, zona oeste da cidade. A peregrinação também inclui louvores, celebrações e danças, além de paradas em frente de hospitais, onde fieis realizam orações.

A decisão de suspender o evento também foi aprovada pelo deputado João Luiz (Republicanos), presidente da Frente Parlamentar Cristã da Assembleia Legislativa do Estado do Amazonas (ALE-AM).

“A maioria dos eventos nacionais e também municipais foi cancelada. Como presidente da Frente Parlamentar Cristã da ALE, vejo com muita sensatez o cancelamento da Marcha para Jesus, feito pela Omeam, por se tratar de um evento que atrai milhares e milhares de pessoas. Então, quero parabenizar essa atitude da Ordem”, finalizou o deputado.

Fonte: D24AM