Portal Amazon News

Conecta você à notícia

0 0

Manaus – Uma criança de 5 anos foi espancada pela mãe após se recusar a tomar banho para ir à escola, conforme divulgou o Conselho Tutelar na Zona Leste, nesta quinta-feira (9). Porém, o caso aconteceu na última segunda (6), no bairro Coroado, também na Zona Leste de Manaus.

De acordo com informações da conselheira tutelar Lolene Oliveira, a equipe foi até ao local após a tia da criança denunciar a agressão no 11º Distrito Integrado de Polícia (DIP).

Ao conselheiros, a mãe da menina, que trabalha como auxiliar de veterinária, disse que perdeu a cabeça e agrediu a filha porque ela não queria tomar banho para ir à escola. A mulher foi levada, na quarta (8), para a sede da Delegacia Especializada em Proteção à Criança e ao Adolescente (Depca).

Na delegacia, a mulher foi indiciada pelo crime de lesão corporal e maus-tratos e responderá o crime em liberdade. A mulher também foi denunciada na Defensoria Pública do Estado do Amazonas (DPE-AM) e perdeu a guarda da filha para o pai, ex-marido, que mora no município do Careiro Castanho (distante 88 quilômetros de Manaus).

“Quando chegamos na residência encontramos a criança com várias marcas pelo corpo. Ela foi agredida com uma sandália. A mãe disse que perdeu a cabeça, por isso agrediu a filha. Ela tem outros três filhos, de 2 a 10 anos. Mas perdeu somente a guarda da menina de 5 anos. No caso das outras crianças, ela e o ex-marido entraram em um acordo”, explicou a conselheira.

A menina passou por exames de corpo de delito no Instituto Médico Legal (IML), na Zona Norte, e recebeu atendimento psicológico na sede da Depca.

Número de agressões 

Conforme informações de Iolene Oliveira, somente o conselho tutelar da Zona Leste 1 recebe entre 10 a 15 denúncias de crimes contra crianças por dia, desse total, quatro são de agressão física.

Happy
Haha
0
Sad
Triste
0
Excited
Amei
0
Sleepy
Tédio
0
Angry
Raiva
0
Surprise
Uau
0