Homem que torturou e assassinou a jovem Heloisa é preso

Manaus – Na tarde desta terça-feira (9), Michel Sabóia de Souza, 20, principal suspeito de assassinar a jovem Heloísa Medeiros da Silva, de 17 anos, em dezembro de 2019, será apresentado na Delegacia Geral da Polícia Civil do Amazonas. Ele foi preso no bairro Anjo da Guarda no Estado do Maranhão, em uma casa alugada, onde estava morando atualmente.

Heloísa era estudante de enfermagem e tinha um futuro brilhante. A família está na Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS) para apresentação de Michel.

Relembre o Caso

O crime aconteceu no dia 15 de dezembro de 2020, em uma residência no centro da cidade, que seria da avó do autor. A jovem estava desaparecida há quatro dias, e foi encontrada morta por volta de 00h seminua e com indícios de violência.

De acordo com informações repassadas pelos policiais da 24° Companhia Interativa Comunitária (Cicom) que atenderam a ocorrência, a jovem chegou acompanhada de um dos moradores da casa que não teve o nome divulgado, e que Michel teria falado para o tio que teria feito besteira e chamasse a polícia.

O Departamento de Perícia Criminal do Instituto Médico Legal (IML) esteve no local para realizar a perícia, além dos investigadores da Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS), que iniciaram as investigações para esclarecer o crime.

(ASSISTA O VÍDEO)