Portal Amazon News

Conecta você à notícia

1 0

Um homem de 32 anos foi condenado a mais de 50 anos de prisão por matar a mãe e o pai na cidade de Jaraguá, em Goiás, em 2017. A decisão foi publicada na última quarta-feira (5).

A juíza Zulaide Viana assinou a sentença após júri popular. Marcos Antônio da Silva foi considerado culpado de duplo homicídio, com qualificadoras por feminicídio, motivo fútil e recursos que dificultaram defesa das vítimas.

O criminoso foi condenado a 50 anos, 4 meses e 15 dias de prisão, mas sua defesa já avisou que vai recorrer da decisão por considerar a pena muito dura.

“Ele estava sobre efeito de cocaína, e o resultado do júri foi pelo duplo assassinato. As provas eram bem relevantes e ele confessou todo ato, mas a pena ficou alta, por esse motivo iremos recorrer”, afirmou ao g1 o advogado de defesa, Piterson Maris.

A juíza Zulaide negou o pedido da defesa para que Marcos respondesse pelo crime em liberdade e decretou que o regime será fechado, ao menos inicialmente.

Entenda o crime

Marcos matou os pais depois de uma discussão no dia 22 de outubro de 2017. Na ocasião, o rapaz foi questionado pelo pai, José Antônio da Silva, sobre o fato de ter passado a noite fora de casa.

Irritado com o comentário, o criminoso agrediu a vítima. Momentos depois, Sirlene Ferreira da Silva, mãe de Marcos, tentou intervir e também foi atacada.

O rapaz asfixiou e esfaqueou o pai, antes de bater a cabeça da mãe contra o chão repetidas vezes. Ambos não resistiram aos ferimentos e morreram no local.

Marcos foi preso no dia seguinte, após sofrer um acidente de carro quando tentava fugir na BR-153. Ele foi levado a um hospital da região, onde permaneceu sob escolta até ser liberado e ir para a cadeia.

EDIÇÃO: David Richard

Fonte: Yahoo! Notícias

Happy
Haha
0
Sad
Triste
4
Excited
Amei
0
Sleepy
Tédio
0
Angry
Raiva
4
Surprise
Uau
0