Homem é preso após prometer a mulher que iria se casar após fazerem sexo



Um homem de 29 anos foi preso em Bangalore (Índia) após usar uma falsa promessa de casamento para fazer sexo com uma mulher que ele havia conhecido pelo Tinder.

Rama Reddy trocou mensagens pelo aplicativo de paquera e pelo Whatsapp por um mês com Meera. Até que os dois decidiram se encontrar e fizeram sexo, contou reportagem do “Sun”.

Após a relação sexual, Meera cobrou a promessa. Porém Rama negou, dizendo que não estava preparado para um compromisso.

Meera continuou cobrando a promessa matrimonial, mas acabou bloqueada por Rama no Whatsapp.

Sentindo-se “usada fisicamente para o prazer” de Rama, Meera procurou a polícia. O indiano foi preso logo depois.

Prometer casamento só para levar alguém para a cama é considerado estupro na Índia. Só em 2016, foram registrados mais de 10 mil casos do tipo no país.

Deixe seu comentário