24 de janeiro de 2022

Portal Amazon News

Conecta você à notícia

Gasto do governo do amazonas com publicidade cresce, supera do auxílio

1 0

Manaus – O deputado Dermilson Chagas (Podemos) afirmou na quarta-feira (3) que o Governo do Amazonas não prioriza a real necessidade da população e gasta mais dinheiro com propaganda do que o cartão Auxílio Estadual, que, em tese, seria para beneficiar a população, mas tem um alcance limitado porque os investimentos foram mínimos na área social, de acordo com o parlamentar.

Dermilson disse que os recursos públicos gastos pelo governador Wilson Lima (PSC) em 2020 totalizaram R$ 122,6 milhões. “Isso daria para pagar o dobro do valor que ele prometeu repassar para as famílias de baixa renda com o cartão Auxílio Estadual, cujos gasto total será de R$ 60 milhões”, disse Dermilson Chagas.

O deputado ressaltou que os gastos excessivos com propaganda vêm desde o início da gestão Wilson Lima. “Em 2019, o gasto com propaganda foi de R$ 68,7 milhões. Em 2020, foram R$ 122,6 milhões, e, neste ano, ele já empenhou mais de R$ 126 milhões e pagou mais de R$ 107 milhões, batendo todos os recordes históricos de gastos com propaganda”, afirmou.

O parlamentar afirmou que os gastos revelam que o governador Wilson Lima não está preocupado com o bem-estar da população que está passando necessidade. “O Governo do Amazonas não tem prioridade. O povo com fome e desempregado e o Governo gasta mais com publicidade do que com o cartão social”.

O deputado Dermilson disse que vem defendendo a ideia de se utilizar recursos do Fundo de Fomento ao Turismo, Infraestrutura, Serviços e Interiorização do Desenvolvimento (FTI) para que o cartão social pudesse ser de um valor maior e também ter um alcance maior de beneficiados e não apenas 100 mil famílias.

“Defendi que fosse utilizado o recurso do FTI, de R$ 80 milhões, para beneficiar 400 mil famílias com o auxílio de R$ 300 para cada família, mas o Governo prefere gastar com publicidade mais de R$ 200 milhões. As prioridades do Governo ‘matam’ o povo de fome”, enfatizou Dermilson Chagas.

Nos últimos dois anos de gestão de Wilson Lima, o Governo do Amazonas gastou com publicidade e propaganda mais de R$ 176,5 milhões em contratos com quatro empresas. Esse valor gasto com publicidade, é cinco vezes maior do que foi gasto com oxigênio no mesmo período, cerca de R$ 32,4 milhões com a única empresa que fornece o gás medicinal para o Estado, a White Martins.

Publicado por: David Richard

Fonte: D24am

Happy
Haha
0
Sad
Triste
0
Excited
Amei
0
Sleepy
Tédio
0
Angry
Raiva
1
Surprise
Uau
0