Fla vence o Flu mais uma vez e celebra o título do Campeonato Carioca

O Flamengo bateu o Fluminense por 1 a 0 na noite desta quarta-feira (15) e garantiu o título do Campeonato Carioca pela 36ª vez.

Esse foi o quinto título conquistado pelo Flamengo com Jorge Jesus no comando técnico, que somou a sala de troféus do clube as taças do Campeonato Brasileiro e Copa Libertadores em 2019 e a Supercopa do Brasil e a Recopa Sul-Americana neste ano.

Mas Jorge Jesus está sofrendo forte assédio do Benfica, clube no qual conquistou três títulos do Campeonato Português, e pode deixar o Flamengo nas próximas semanas.

Para o Fluminense resta se preparar para o início do Campeonato Brasileiro no dia 9 de agosto, quando a equipe irá enfrentar o Grêmio ainda sem local e horário definido.

FLAMENGO CONTROLOU FLUMINENSE PELA TAÇA

O Flamengo conseguiu acertar a marcação alta e incomodou a saída de bola do Fluminense. Mas sem Gabigol em campo, a equipe rubro-negra não conseguiu dominar a defesa adversária.

Com isso o primeiro tempo foi equilibrado em chances de gol. Aos 12 minutos, Arrascaeta lançou Bruno Henrique na área, o atacante fintou Muriel, mas adiantou demais a bola e perdeu a chance de marcar.

A resposta do Fluminense veio no minuto seguinte. Evanílson foi lançado na direita, ganhou de Léo Pereira e chutou perto do poste direito.

Aos 25 minutos, nova chance do Fluminense. Nenê deu belo passe por elevação na área e Marcos Paulo emendou de primeira, com a bola passando por cima da meta.

Dois minutos depois o Flamengo voltou a assustar Muriel. Willian Arão avançou pelo e arriscou da intermediária, em outro chute que passou raspando o travessão.

Muriel fez sua primeira intervenção aos 36 minutos. Bruno Henrique fez o pivô e ajeitou para Léo Pereira, que chutou mascado para o goleiro cair e fazer firme defesa.

Só que no minutos seguinte foi a vez do Fluminense criar perigo. Evanílson puxou contra-ataque na esquerda, puxou para o meio e rolou para Marcos Paulo na área. Mas o atacante (livre de marcação) finalizou torto.

Antes do final da primeira etapa, Everton Ribeiro lançou Pedro na área. O centroavante arriscou o chute cruzado e a bola passou perto do poste esquerdo.

A primeira chance de gol da segunda etapa foi do Flamengo. Gerson arriscou falta da entrada da área e acertou a rede pelo lado de fora.

Mas o jogo caiu de ritmo na segunda etapa, com o Flamengo apenas esperando as ações do rival e o Fluminense sem conseguir criar chances de gol para levar a partida para as penalidades.

FICHA TÉCNICA
FLAMENGO 1 X 0 FLUMINENSE

Estádio: Maracanã, no Rio de Janeiro (RJ)
Data e horário: 15 de julho de 2020, às 21h (de Brasília)
Árbitro: Grazianni Maciel Rocha
Assistentes: Rodrigo Figueiredo e Thiago Henrique Farinha
VAR: João Batista de Arruda

Gol: Vitinho (49’/2ºT)

Cartão amarelo: Michael e Rafinha (FLA); Evanílson (FLU)
Cartão vermelho: Não houve.

FLAMENGO (Técnico: Jorge Jesus)
Diego Alves; Rafinha (Gustavo Henrique, 41’/2ºT), Rodrigo Caio, Léo Pereira e Filipe Luís (Renê, 5’/2ºT); Willian Arão, Gerson (Diego, 41’/2ºT), Everton Ribeiro e Arrascaeta (Michael, 15’/2T); Bruno Henrique e Pedro (Vitinho, 41’/2ºT).

FLUMINENSE (Técnico; Odair Hellmann)

Muriel; Gilberto (Michel Araújo, 16’/2ºT), Matheus Ferraz, Nino e Egídio; Dodi (Felippe Cardoso, 39’/2T), Hudson e Yago (Caio Paulista, 27’/2ºT); Nenê, Marcos Paulo (Fernando Pacheco, 16’/2ºT) e Evanilson (Ganso, 27’/2ºT).