Portal Amazon News

Conecta você à notícia

0 0

Manaus – Na noite do último sábado (28), o bairro Alvorada foi palco de novas mortes. O cabeleireiro Anderson da Silva Moura, de 33 anos, e o autônomo William de Andrade Vidal, de 32 anos, foram assassinados a tiros.  As mortes, segundo a Polícia Civil, podem estar relacionadas ao traficante “Carlinhos”, que domina o tráfico no bairro.

De acordo com a polícia, o cabeleireiro Anderson foi atingido por três tiros no tórax. O crime aconteceu na rua C. Ele foi levado ao SPA da Alvorada, mas não resistiu e morreu por volta das 22h. Já o autônomo William de Andrade foi assassinado na Travessa dos Franceses, Alvorada 1, também com três tiros.

Outros casos no bairro Alvorada

No dia 7 de abril, dois homens foram executados no bairro Alvorada. Lucas Felipe Amaro da Silva, “o Balde” e Mayron Wisllem Moraes da Silva, de 25 anos, conhecido “Marquinhos”.

De acordo com uma fonte policial, um grupo rival ao de Carlinhos teria matado Mayron. Na ocasião, dois homens em um carro, modelo Prisma, chegaram ao lanche do Jhonny Clayton, onde a vítima estava com a namorada, e efetuaram os disparos.

Já Lucas foi assassinato com 10 tiros enquanto assistia ao jogo do Flamengo junto com a namorada. Pelo menos três homens armados participaram da execução. Os suspeitos chegaram ao local em um carro, modelo Voyage, de cor preta.

Quem é Carlinhos?

Considerado o maior traficante da Alvorada e ligado à facção criminosa Família do Norte (FDN), Carlos Alberto Soares de Reis, conhecido também como “Carlinhos Panda”, é envolvido em vários crimes. O mais conhecido deles é o assassinato da namorada dele Bruna Freitas Rodrigues, de 23 anos. O corpo da jovem foi encontrado no bairro Colônia Japonesa, Zona Centro-Sul de Manaus, no dia 21 de maio do ano passado.

Carlinhos chegou a ser preso em julho de 2018. Entretanto, dois meses depois, mesmo tendo três inquéritos registrados, a justiça amazonense decidiu pela liberdade provisória sem pagamento de fiança.

Em posse do Alvará de Soltura, o traficante deixou o Instituto Penal Antônio Trindade (Ipat), de acordo com a Secretaria de Administração Penitenciária (Seap), no dia 19 de dezembro de 2018.

No último dia 11 de março, em nova movimentação, um pedido de prisão preventiva foi determinado. Desde então, Carlinhos da Alvorada continua foragido e atuando no mundo do crime.

Happy
Haha
0
Sad
Triste
0
Excited
Amei
0
Sleepy
Tédio
0
Angry
Raiva
0
Surprise
Uau
0