24 de janeiro de 2022

Portal Amazon News

Conecta você à notícia

Baile Disco Especial Dia das Mães do Vidativa reúne mais de duas mil pessoas no Centro de Convivência da Aparecida

0 0

O Baile Disco Especial Dia das Mães do Vidativa chegou à sua segunda edição e reuniu mais de duas mil pessoas da melhor idade nesta sexta-feira (11/05), no Centro Estadual de Convivência do Idoso (Ceci) Aparecida, localizado na rua Wilken de Matos, bairro Aparecida, zona sul de Manaus. O evento é uma realização da Secretaria de Estado de Juventude, Esporte e Lazer (Sejel), em parceria com a Secretaria de Estado de Cultura (SEC), Secretaria de Estado de Assistência Social (Seas), o Centro de Educação e Tecnologia do Amazonas (Cetam) e o Fundo de Promoção Social e Erradicação da Pobreza (FPS).

Com uma programação toda especial elaborada para o público presente, o evento contou com um aulão de ritmos que serviu de preparação para o Baile Disco, além das Bandas Atayde, Máquina do Tempo, Banda da Polícia Militar e Sérgio Queiroz e Banda. Ao todo, 42 dos 44 grupos que compõem o projeto Vidativa na capital, participaram do evento, que também reuniu idosos dos municípios de Iranduba, Cacau Pirera, Manacapuru, Novo Airão e Rio Preto da Eva.

Para a coordenadora do projeto Vidativa, Nara Freitas, o evento foi um sucesso. “Nesta segunda edição, buscamos melhorar cada vez mais, para que pessoas de todas as idades pudessem aproveitar essa festa. O Ceci Aparecida, que é um local de referência no Amazonas, está acolhendo nosso baile e nossos grupos do projeto Vidativa. Ano passado, tivemos 800 idosos reunidos neste mesmo evento e, este ano superamos as expectativas, porque mais de duas mil pessoas estão aqui”, afirmou.

O secretário da Sejel, Manoel Almeida, falou sobre o Vidativa e registrou a importância de todos os parceiros para que o Baile e as atividades do projeto pudessem ser realizadas. “O Vidativa é a maior felicidade que nós temos hoje na Sejel. Quem disse que ter idade mais avançada é o fim de algo? Jamais. Vocês estão apenas no começo de um momento de celebrar, ficar vivo, ter saúde, de ter animação e alegria. Nossos idosos já contribuíram por muito tempo com nosso Estado e essa é a hora de retribuirmos de alguma forma. No que depender de nós (Sejel), o Vidativa vai continuar por muito tempo, proporcionando alegria e felicidade a todos os que fizerem parte desse projeto”, destacou.

Amor não tem idade – Casados há 45 anos, Conceição de Souza, de 72 anos, e José Moacir de Souza, de 71 anos, frequentam o Ceci Aparecida e praticam atividades físicas para terem uma maior qualidade de vida. De acordo com Conceição, que pratica hidroginástica, foi ela quem levou o marido para conhecer o Centro. “Sou frequentadora daqui desde que se iniciaram as atividades, há cerca de dez anos, e intimei o Moacir a participar comigo e ele sempre me acompanha. Aqui é muito bom, principalmente pelas festas e programações que são desenvolvidas para a terceira idade”, disse.

José Moacir, que sempre faz caminhada no Centro, disse que o local sempre foi bastante agradável. “Moro na Compensa, mas minha esposa não abre mão de vir aqui na Aparecida. Sei que o governador Amazonino Mendes é bastante envolvido nas questões sociais e tem feito cada vez mais melhorias nos eventos direcionados à terceira idade. O baile está sendo muito bom e o projeto Vidativa está de parabéns”, finalizou.

Happy
Haha
0
Sad
Triste
0
Excited
Amei
0
Sleepy
Tédio
0
Angry
Raiva
0
Surprise
Uau
0