Aprenda a fazer pagamentos e receber pelo WhatsApp

O WhatsApp lançou esta semana um serviço de pagamento e transferência de dinheiro pelo aplicativo. O Brasil será o primeiro país a estrear essa ferramenta, que tem como parceiros a credenciadora Cielo e as bandeiras Visa e Mastercard. Tanto o usuário que envia, como o que recebe, precisam ser cadastrados no whatsApp.

Como fazer a transferência?

Para enviar dinheiro pelo WhatsApp, o usuário precisa usar um cartão de débito ou cartão múltiplo (com função de débito e crédito) emitido por um dos bancos participantes, que neste momento ainda são poucos. Por enquanto, não é permitido o uso de cartão que tenha apenas a função crédito.

Para fazer esse cadastro, o usuário precisa abrir alguma conversa no WhatsApp e clicar no ícone representado por um clipe de papel nos smartphones Android e pelo símbolo “+” nos smartphones iOS.

No menu seguinte aparecerá a opção “Pagamento”. Ali, o usuário deve colocar o valor que quer enviar.

Em seguida, se o usuário ainda não tiver configurado um cartão, aparecerá a opção de “Adicionar sua forma de pagamento”. O usuário precisa concordar com os termos de uso, e irá criar um PIN (senha) para o Facebook Pay.

Depois, ele precisa colocar seus dados, como nome e CPF, e os dados do seu cartão, como o número e bandeira.

Ao final, o WhatsApp informa ao usuário que irá enviar um código de segurança para ele inserir na tela seguinte. Esse código pode ser enviado por SMS, e-mail ou no aplicativo do banco do cliente. A função dele é verificar que realmente foi o dono daquele WhatsApp (e daquele cartão) que fez o cadastro. Depois de inserir o código, o usuário já pode enviar dinheiro pelo app.

Que cartões são aceitos?

Dentre os usuários de cartões de bandeira Mastercard, aqueles que são emitidos pelo Nubank e Sicredi serão os primeiros a utilizarem a ferramenta. A bandeira afirma, no entanto, que “em breve, mais parceiros bancários devem aderir ao programa”.

Dentre os usuários do cartão Visa, os portadores de plásticos emitidos pela Sicredi e pelo Banco do Brasil são os que já têm acesso imediato à nova tecnologia.

Na prática, esse pagamento funciona como uma transferência bancária, onde o dinheiro sai de um cartão de débito (e, consequentemente, da conta em que ele está associado) para outro cartão (ou seja, outra conta). A  Cielo é a responsável por fazer essa transação. E essa transferência, para pessoas físicas, será gratuita.

Há custos

Para as pessoas físicas, o serviço está disponível gratuitamente. Ele, no entanto, tem custos, mas vão ser arcados pelos participantes (nesse caso, a Cielo e as bandeiras). No caso dos pagamentos feitos pelo WhatsApp a empresas e comércios (que usam a versão WhatsApp Business), será cobrada uma taxa.