Portal Amazon News

Conecta você à notícia

2 0

Estados Unidos – Amber Heard admitiu em entrevista ao programa Today, apresentado por Savannah Guthrie, da NBC, que continua amando Johnny Depp mesmo depois do julgamento de difamação contra ela, em que saiu vitorioso. A fala da atriz foi ao ar nesta quarta-feira (15).

“Eu o amo. Eu o amava com todo o meu coração. E eu tentei o melhor que pude para fazer um relacionamento profundamente quebrado funcionar. Eu não podia. Sem sentimentos ruins ou má vontade em relação a ele. Eu sei que pode ser difícil de entender ou pode ser muito fácil de entender. Se você já amou alguém, deveria ser fácil”, disse a atriz, que será substituída em Aquaman 2.

Durante a conversa, Savannah questiona Amber sobre a matéria escrita por ela no Washington Post, em 2018, onde diz ser uma vítima de violência doméstica. Mesmo que não tenha mencionado o nome de Depp, a publicação teve papel fundamental no julgamento de difamação movido pelo ator de Piratas do Caribe.

“O editorial não era sobre meu relacionamento com Johnny”, disse ela. “O que o editorial era sobre eu emprestar minha voz para uma conversa cultural maior que estávamos tendo na época.”

Quando perguntada se ela esperava “cancelar” Depp com o editorial, Heard disse: “Claro que não. Não era sobre ele”.

Na primeira parte da entrevista, Heard negou ter mentido sobre o suposto abuso que detalhou durante seu depoimento. “Cometi muitos erros, mas sempre disse a verdade”.

Julgamento Amber Heard X Johnny Depp

O júri do caso decidiu que tanto Heard quanto Depp eram culpados de difamação um contra o outro. Entretanto, o ator levou a melhor em três acusações, enquanto ela venceu apenas uma.

A atriz deverá pagar US$ 13,5 milhões de indenização para o ex-marido. Em contrapartida, o artista terá que pagar R$ 2 milhões para Heard, valor que pode ser descontado do pagamento feito por ela.

Publicado por: David Ricard

Happy
Haha
1
Sad
Triste
0
Excited
Amei
1
Sleepy
Tédio
0
Angry
Raiva
0
Surprise
Uau
0